Sistemas de integração capilar

Integração capilar - senhora
Integração capilar num caso de alopecia
extensa de origem patológica

Os sistemas de integração de cabelo não cirúrgicos são rápidos, indolores, aplicáveis em homens e mulheres, e obtêm resultados visíveis em cerca de 2 (duas) horas. Embelezam o rosto e rejuvenescem o aspeto geral da pessoa - o que é ótimo para a sua auto-estima. Necessitam de cuidados básicos de higiene e de manutenção periódica, mas no dia-a-dia nada muda: a única diferença é passar a ter mais cabelo, com mais volume e comprimento.

São adequados a qualquer tipo e formato de calvície, e recomendam-se quando outros tratamentos não sejam indicados devido à idade, saúde ou dimensão da falta de cabelo. Não obstante, é sempre possivel continuar a aplicar tratamentos para os cabelos restantes.

São particularmente adequados a alopecias / quedas temporárias provocadas por doença, quimioterapia ou radioterapia, porque são executados exclusivamente para cada caso, quanto à área a cobrir, tipo e cor do cabelo.

Consistem em dois métodos distintos:


Entretecimento capilar

O entretecimento capilar consiste na aplicação de uma rede finíssima na área calva do couro cabeludo, na qual cabelos novos são entretecidos com cabelos naturais da pessoa.

Foi introduzido em Portugal pela Eurocabe em 1971, e é o mais antigo método não cirúrgico de implantação de cabelos. Desde então sofreu inúmeros progressos, tornando-se cada vez mais difícil distinguir o cabelo aplicado do cabelo próprio restante.

Os novos cabelos são naturais, isto é, são cabelos de verdade, não sintéticos - com a exceção de cabelos brancos, cuja maior percentagem é normalmente de origem sintética. Todos os cabelos novos são o mais idênticos possível em textura, cor, comprimento e densidade ao cabelo ainda existente.

É um método eficaz para cobrir áreas com pouco cabelo, permitindo o aproveitamento dos cabelos existentes, o que melhora o resultado final. Através das técnicas atuais, o entretecimento capilar é impercetível ao olhar, passando por cabelo natural em todas as atividades quotidianas.

A Eurocabe possui produção própria de todos os sistemas de aplicação capilar que utiliza, sendo a única em Portugal neste aspeto.


Reconstrução transdérmica cosmética (CTR)

CTR é o acrónimo de "Cosmetic Transdermal Reconstruction", um sistema de integração capilar com origem nos EUA, sem necessidade de cirurgia, introduzido em Portugal pela Eurocabe em 1997.

Consiste numa segunda pele que cobre toda a área calva, sendo o novo cabelo aplicado nesta película, e depois "ventilado" de forma a parecer cabelo natural, que nasce do couro cabeludo. O resultado final é impercetível ao olhar e ao toque.

Tal como no entretecimento capilar, são usados cabelos naturais o mais idênticos possível em textura, cor, comprimento, e densidade ao cabelo restante, caso exista. A exceção são os cabelos brancos, cuja maior percentagem é normalmente de origem sintética.

Este sistema é mais indicado para homens ou mulheres que apresentam calvície extensa e irreversível, onde não é viável outro tratamento.

© 2018 Eurocabe - Instituto Europeu para Novos Cabelos - Política de Privacidade
Bright - Web Agency